17/03/2016

O uso nocivo das redes sociais em condomínios

Por: Alexandre Marques

Pelas redes sociais, programas de trocas de mensagens eletrônicas e assemelhados, todo mundo é valente! Afinal, muitas vezes, a “internet” ou rede mundial de computadores não tem cara, não é mesmo? Sendo fácil se esconder atrás do anonimato, “viralizando”-  e esse vocábulo vem bem a calhar com significado destes atos, pois, espalha o “vírus” das infâmias, calúnias, difamações e injúrias contra os mais diversos atores do teatro do condomínio, mormente, equipe diretiva. 

Sempre fui contra - e propalo isso em minhas palestras anuais em Salvador -  o uso de redes sociais, grupos de discussão e afins, por moradores e equipe diretiva na gestão do condomínio ou mesmo como canal de “comunicação”, isso por que, todos nós sabemos que uma mensagem “jogada ao vento” na internet, começa sob nosso controle, alvitre e vontade, mas, nunca sabemos como irá terminar e a quem atingirá e, o principal, de que forma. Basta que um único morador coloque lá no “grupo de discussão” do condomínio que “acha que tem alguma coisa errada com a gestão do síndico”, que, uma enormidade de “entendidos”, “experts”, “especialistas em gestão condominial”, vaticinem e deem como uma verdade inquebrantável que há mesmo alguma coisa errada, afinal, onde há fumaça há fogo, não é mesmo?
 
Uma vez lançada a calúnia ou a difamação contra determinado síndico e equipe diretiva, dificilmente estes conseguem reverter a situação ou, no mínimo, o mal estar causado pela “notícia” divulgada, isso por que, já há uma predisposição de quem lê a considerar aquilo como uma verdade insofismável. Uma pena! Sempre defendemos o uso de qualquer forma de “comunicação” de maneira produtiva e positiva, de forma colaborativa e, infelizmente, ao que parece, ninguém se interessa em divulgar ou noticiar qualquer coisa nesse sentido, com a mesma velocidade que se mal diz alguém! 

Assim, antes de postar seu próximo comentário no “grupo do condomínio”, pense bem, reflita sobre a eventual repercussão que ele poderá ter e mais, se ele de alguma forma está contribuindo para fazer do seu condomínio um lugar melhor para se viver.



Alexandre Marques
 é advogado militante na área de Direito Condominial, relator do TED-OAB-SP, pós-graduado em Processo Civil pela PUC SP, especialista em Direito Imobiliário pelo UniFMU, diretor de ensino da Associação de Síndicos de Condomínios Residenciais e Comerciais de São Paulo, professor, consultor e Colunista de diversos jornais, portais e revistas de tema jurídico em condomínios.





 

Tags: Condomínio  Gestão Condominial  Redes Sociais  

Comentários

Cadê o Síndico é uma realização da Editora União Salvador LTDA.

Travessa Francisco Gonçalves, 01, Edf. Reitor Miguel Calmon, Sl. 303
Comércio - CEP:40.015-090 71 3242-1084 / 3491-0710